Meu CNPJ está suspenso ou cancelado, como resolver isso?

Meu CNPJ está suspenso ou cancelado, como resolver isso?

São vários os motivos que podem levar ao cancelamento ou a suspensão do seu cadastro de pessoa jurídica, CNPJ. Para fins de legislação, em caso de inadimplência, o Estatuto da Microempresa de Pequeno Porte visa o cancelamento da inscrição do cadastro de Microempreendedor Individual.

Essa inadimplência pode ser causada pelo não pagamento da guia mensal DAS e da não entrega da declaração anual (DASN-SIMEI).Por isso, é importante sempre estar em dia com as obrigações fiscais para evitar qualquer tipo de problema com o seu cadastro. O seu escritório de contabilidade também deve estar atento a todas movimentações negativas de seu cadastro para evitar essas dores de cabeça.

Já falamos em alguns posts sobre a contabilidade para empresas, e mesmo MEI – Micro Empreendedor Individual, você precisa ter um contador para cuidar da parte fiscal de sua empresa. Caso ainda não tenha contrate um agora com uma mensalidade super abaixo do mercado, clique aqui.

 

Como resolver o problema do meu CNPJ?

Se sua empresa tem um escritório de contabilidade ou um profissional de contabilidade, você precisa entrar em contato com eles e solicitarem os documentos necessários para a regularização do seu documento.

Vale lembrar que, se seu cadastro estiver com algum status que não seja ativo, sua empresa está fora de léi e pode sofrer milhares de consequências cabíveis dentro das leis.

Agora, se seu cnpj está cancelado ou com status inoperável, e não tem um escritório ou um profissional que cuide de sua empresa, você pode contratar uma mão de obra avulsa, entre em contato com a Fiscalizo contabilidade, clique aqui e regularize já a sua situação cadastral.

Acompanhe o significado de cada status;

Ativa

A inscrição no CNPJ está de acordo com a Receita Federal e não há nenhuma pendencia de impostos e obrigações fiscal.

Suspensa

O CNPJ apresenta algum problema, como a matriz ou a filial tem domicílio no exterior, deixou de cumprir as obrigações, há inconsistência nos dados ou indícios de fraudes.

Inapta

O Cadastro esta omissa de declarações e demonstrativos, assim considerada aquela que, estando obrigada, deixar de apresentar, em dois exercícios consecutivos, qualquer das seguintes declarações e demonstrativos, são eles;

  • – Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ);
  • – Declaração Simplificada da Pessoa Jurídica (DSPJ) – Inativa;
  • – Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (Defis);
  • – Declaração Única e Simplificada de Informações Socioeconômicas e Fiscais (DASN);
  • – Declaração Anual Simplificada para o Microempreendedor Individual (DASN-Simei);
  • – Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF);
  • – Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (Dirf);
  • – Declaração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (DITR); e
  • – Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social (GFIP);
  • – Escrituração Contábil Digital (ECD);
  • – Escrituração Contábil Fiscal (ECF);
  • – Escrituração Fiscal Digital das Contribuições (EFD-Contribuições);
  • – Escrituração Fiscal Digital (EFD); e
  • – e-Financeira;

Ou, com irregularidade em operações de comércio exterior, assim considerada aquela que não comprovar a origem.

Baixada

A inscrição no CNPJ estará nessa situação cadastral quando a entidade ou o estabelecimento filial, conforme o caso, tiver sua solicitação de baixa deferida ou tiver sua inscrição baixada de ofício.

Nula

Quando a inscrição será enquadrada quando houver sido atribuído mais de um número de inscrição para o mesmo estabelecimento ou for constatado vício no ato cadastral, ou até mesmo quando houver sido atribuída inscrição no CNPJ a entidade ou estabelecimento filial desobrigados de inscrição.

Atendimento